Domínio Repleto e Efetivo
12 de abril
A morte já não tem domínio sobre ele... quanto a viver, vive para Deus. Assim também vós considerai-vos mortos para o pecado, mas vivos para Deus.
Romanos 6:9-11
12 de abril

Co-Vida Eterna. Vida eterna é a vida de Jesus manifesta por ser humano e é mesmo vida, não uma cópia dela, que se manifesta em nosso corpo mortal quando somos nascidos de Deus. A vida eterna não é um dom vindo de Deus, vida eterna é o próprio Deus. A força e o poder que se manifestam em Jesus, manifestar-se-ão em nós através da Sua graça soberana, após tomarmos esta decisão moral relativamente ao pecado. “Recebereis poder, ao vir sobre vós o Espírito Santo” – não poder como um dom do Espírito Santo; o poder é o próprio Espírito Santo em Pessoa, não algo que ele transmite. A vida que estava em Jesus se torna nossa por meio da sua cruz como consequência de nos termos identifi­cado e relacionado com ele de forma real. Se temos dificuldade em nos acertarmos com Deus, de estarmos sintonizados numa mesma vida, é porque não nos queremos decidir ainda e em definitivo sobre o pecado. Assim que nos decidirmos, a vida de Deus em Sua plenitude logo nos invadirá. Jesus veio para nos dar a própria vida: “para que sejais tomados de toda a plenitude de Deus”. A vida eterna nada tem a ver com tempo; é a vida que Jesus viveu quando estava na terra. A única fonte de vida é o Senhor Jesus Cristo.

O mais fraco dos crentes pode experimentar o poder da divindade do Filho de Deus; basta que esteja disposto a render-se integralmente a ele. Qualquer resíduo de energia própria, turva essa vida que é Jesus. Temos que estar em total e contínua rendição e seguramente a majestosa vida de Deus inundará cada parte de todo o nosso ser a seu devido tempo e os homens logo saberão que estivemos com Jesus.

Bíblia em um ano: 1 Samuel 19-21; Lucas 11:29-54

Escrito por Oswald Chambers.

Confira mais devocionais escritos por Oswald Chambers, no original clicando aqui.

Texto retirado e traduzido de Utmost.org

Adquira o Hábito de Não Ter Hábitos

Adquira o Hábito de Não Ter Hábitos

Quando começamos e estando nós ainda formando hábitos, temos consciência do que estamos fazendo. Há ocasiões em que tomamos consciência de que estamos sendo tornados virtuosos e pacientes espiritualmente, mas isso é apenas uma etapa de nossa vida; se pararmos por ali,...

Amemo-nos uns Aos Outros

Amemo-nos uns Aos Outros

O amor é pouco definido para a maioria dos crentes; não sabemos o que queremos dizer quando falamos sobre o amor. O amor é uma preferência exclusiva por determinada pessoa e, no campo espiri­tual, Jesus exige que essa preferência seja exclusivamente dele e como a...

Tome a Iniciativa

Tome a Iniciativa

"Associai": como se trata de uma ordem, conclui-se por aqui que há alguma coisa que nós temos de fazer. Corremos o risco de esquecer que não podemos fazer o que é Deus quem tem de fazer e que Deus não faz aquilo que temos de ser nós a fazer. Não podemos salvar-nos nem...

Share This