Plano de Leitura Cronológico

outubro

29

sexta-feira
Lucas – Parte 7
Lucas 12-13
301 de 365 dias
29 de outubro

Sumário:
O fermento dos fariseus. Algumas admoestações; Jesus reprova a avareza A ansiosa solicitude pela vida; Jesus reprova a avareza; Jesus traz fogo e dissensão à terra; Os sinais dos tempos; A morte dos galileus e a queda da torre de Siloé; A parábola da figueira estéril; A cura de uma enferma; A parábola do grão de mostarda; A parábola do fermento; A porta estreita; A mensagem de Jesus a Herodes. O lamento sobre Jerusalém

 

CAPÍTULO 12

1 Juntando-se, entretanto, muitos milhares da multidão, tanto que se atropelavam uns aos outros, começou a dizer primeiramente a seus discípulos: Guardai-vos do fermento dos fariseus, que é hipocrisia.
2 E nada há encoberto que não haja de ser descoberto; nem oculto que não haja de ser sabido.
3 Portanto tudo o que dissestes nas trevas, será ouvido na luz; e o que falastes ao ouvido nos quartos, será pregado sobre os telhados.
4 E digo-vos, amigos meus, não temais aos que matam o corpo, e depois não têm mais o que possam fazer.
5 Mas eu vos mostrarei a quem deveis temer; temei a aquele, que depois de matar, [também] tem poder para lançar no inferno; sim, a este temei.
6 Não se vendem cinco passarinhos por duas pequenas moedas? E nem um deles está esquecido diante de Deus.
7 E até os cabelos de vossa cabeça estão todos contados; não temais, pois; mais valeis vós que muitos passarinhos.
8 E vos digo que todo aquele que me confessar diante dos seres humanos, também o Filho do homem o confessará diante dos anjos de Deus.
9 Mas quem me negar diante dos seres humanos será negado diante dos anjos de Deus.
10 E a todo aquele que disser [alguma] palavra contra o Filho do homem, lhe será perdoado, mas ao que blasfemar contra o Espírito Santo, não lhe será perdoado.
11 E quando vos trouxerem às sinagogas, aos magistrados e autoridades, não estejais ansiosos, como, ou que, em [vossa] defesa deveis dizer, ou que deveis falar.
12 Porque na mesma hora o Espírito Santo vos ensinará o que deveis falar.
13 E um da multidão lhe disse: Mestre, dize a meu irmão que reparta a herança comigo.
14 Mas ele lhe disse: Homem, quem me pôs por juiz, ou repartidor sobre vós?
15 E disse-lhes: Olhai, e tomai cuidado com a ganância; porque a vida de alguém não consiste na abundância dos bens que possui.
16 E propôs-lhes uma parábola, dizendo: A terra de um homem rico tinha frutificado bem.
17 E ele questionava a si mesmo, dizendo: Que farei? Porque não tenho onde juntar meus frutos.
18 E disse: Farei isto: derrubarei meus celeiros, e construirei maiores, e ali juntarei toda esta minha colheita, e estes meus bens.
19 E direi à minha alma: Alma, muitos bens tens guardados, para muitos anos; descansa, come, bebe, alegra-te!
20 Porém Deus lhe disse: Louco, esta noite te pedirão tua alma; e o que tens preparado, de quem será?
21 Assim [é] o que junta tesouros para si, mas não é rico em Deus.
22 E disse a seus discípulos: Portanto vos digo, não estejais ansiosos por vossa vida, que comereis; nem pelo corpo, que vestireis.
23 Mais é a vida que o alimento, e [mais] o corpo que o vestido.
24 Considerai os corvos, que nem semeiam, nem ceifam; nem tem armazém, nem celeiro; e Deus os alimenta.
25 E quem de vós pode, com sua ansiedade, acrescentar um côvado à sua altura?
26 Pois, se não podeis nem mesmo com algo pequeno, por que estais ansiosos com o resto?
27 Considerai os lírios, como crescem; não trabalham, nem fiam; e digo-vos, que nem mesmo Salomão, em toda sua glória, [chegou] a se vestir como um deles.
28 E se assim Deus veste a erva, que hoje está no campo, e amanhá é lançada no forno, quanto mais [vestirá] a vós, homens de pouca fé?
29 Vós, pois, não pergunteis que comereis, ou que bebereis; e não andeis preocupados.
30 Porque todas estas coisas, os gentios do mundo as buscam; mas vosso Pai sabe que necessitais destas coisas.
31 Mas buscai o Reino de Deus, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.
32 Não temas, ó pequeno rebanho; porque vosso Pai se agradou de dar a vós o Reino.
33 Vendei o que tendes, e daí esmola. Fazei para vós bolsas que não se envelheçam; tesouro nos céus que nunca se deprecia; onde ladrão não chega, nem a traça destrói.
34 Porque aonde estiver vosso tesouro, ali estará também vosso coração.
35 Estejam devidamente vestidos vossos quadris, e acesas as lâmpadas.
36 E sede vós semelhantes às pessoas que esperam a seu senhor quando voltar do casamento; para que quando ele vier, e bater, logo possam lhe abrir.
37 Bem-aventurados aqueles servos, os quais, quando o Senhor vier, [os] achar vigiando; em verdade vos digo que ele se vestirá, e os fará se sentarem [à mesa] , e chegando-se, os servirá.
38 E ainda que venha à segunda vigília; e [que] venha a terceira vigília, e assim [os] achar, bem-aventurados são tais servos.
39 Isto, porém, sabei: que se o chefe da casa soubesse à que hora o ladrão viria, ele vigiaria, e não deixaria sua casa sofrer dano.
|fn: N4 omite “vigiaria, e”
40 Vós, pois, também estejais prontos; porque o Filho do homem virá à hora que não imaginais.
41 E Pedro lhe disse: Senhor, dizes tu esta parábola para nós, ou também para todos?
42 E o Senhor disse: Qual é, pois, o mordomo fiel e prudente, a quem [seu] senhor puser sobre seus servos, para que [lhes] dê alimento no tempo certo?
43 Bem-aventurado aquele servo ao qual, quando seu senhor vier, o achar fazendo assim.
44 Em verdade vos digo, que o porá sobre todos os seus bens.
45 Mas se aquele servo disser em seu coração: Meu senhor está demorando para vir; e começar a espancar aos servos e servas, e a comer, e a beber, e a se embebedar,
46 Virá o senhor daquele servo, no dia em que ele não espera, e na hora que ele não sabe; e será partido em dois, e porá sua porção com os incrédulos.
47 E o servo que sabia a vontade de seu senhor, e não se preparou, nem fez conforme a sua vontade, será muito espancado.
48 Mas o que não sabia, e fez [coisas] dignas de pancadas, será pouco espancado. E a qualquer que muito for dado, muito se lhe pedirá, e ao que muito se confiou, muito mais lhe será exigido.
49 Eu vim para lançar fogo na terra; e o que mais posso querer, se já está aceso?
50 Porém há um batismo que tenho que ser batizado; e como me angustio até que se venha a cumprir!
51 Vós pensais que vim para dar paz à terra? Não, eu vos digo; mas antes [vim para trazer] divisão.
52 Porque daqui em diante cinco estarão divididos em uma casa; três contra dois, e dois contra três.
53 O pai estará dividido contra o filho, e o filho contra o pai; a mãe contra a filha, e a filha contra a mãe; a sogra contra sua nora, e a nora contra sua sogra.
54 E ele dizia também para as multidões: Quando vedes a nuvem que vem do ocidente, logo dizeis: Lá vem chuva; E assim acontece.
55 E quando venta do sul, dizeis: Haverá calor; E assim acontece.
56 Hipócritas! Sabeis entender a aparência da terra e do céu; e como não entendeis este tempo?
57 E por que também não julgais por vós mesmos o que é justo?
58 Pois quando fores com teu adversário à autoridade, procura te livrares dele no caminho, para que ele não venha a te levar ao juiz, e o juiz te entregue ao oficial de justiça, e o oficial de justiça te lance na prisão.
59 Eu te digo que não sairás dali enquanto não pagares até a última moeda.
|fn: moeda – lit. quadrante, o nome de uma moeda de pequeno valor

 

CAPÍTULO 13

1 E naquele mesmo tempo estavam ali presentes alguns, que lhe contavam dos galileus cujo sangue Pilatos tinha misturado com seus sacrifícios.
2 E respondendo Jesus, disse-lhes: Vós pensais que estes galileus foram mais pecadores, por terem sofrido estas coisas?
3 Não, eu vos digo; antes, se vós não vos arrependerdes, todos de modo semelhante perecereis.
4 Ou aqueles dezoito, sobre os quais a torre em Siloé caiu, matando-os; pensais que eram mais culpados dos que todos as pessoas que moravam em Jerusalém?
5 Não, eu vos digo; antes, se vós não vos arrependerdes, todos de modo semelhante perecereis.
6 E dizia esta parábola: Um certo [homem] tinha uma figueira plantada em sua vinha, e veio até ela para buscar fruto, e não achou.
7 E disse ao que cuidava da vinha: Eis que há três anos, que venho para buscar fruto nesta figueira, e não [o] acho; corta-a; por que ainda ocupa inutilmente a terra?
8 E respondendo ele, disse-lhe: Senhor, deixa-a [ainda] este ano, até que eu a escave ao redor, e a adube;
9 E se der fruto, [deixa-a ficar] ; se não, tu a cortarás depois.
10 E ensinava em uma das sinagogas num sábado.
11 E eis que estava ali uma mulher, que havia dezoito anos que tinha um espírito de enfermidade; e andava encurvada, e de maneira nenhuma ela podia se endireitar.
12 E Jesus vendo-a, chamou-a para si, e disse-lhe: Mulher, livre estás de tua enfermidade.
13 E pôs as mãos sobre ela, e logo ela se endireitou, e glorificava a Deus.
14 E o chefe da sinagoga, irritado por Jesus ter curado no sábado, respondendo, disse à multidão: Há seis dias em que se deve trabalhar; nestes dias, pois, vinde para ser curados, e não no dia de sábado.
15 Porém o Senhor lhe respondeu, e disse: Hipócrita, no sábado cada um de vós não desata seu boi ou jumento da manjedoura, e o leva para dar de beber?
16 E não convinha soltar desta ligadura no dia de sábado a esta [mulher] , que é filha de Abraão, a qual, eis que Satanás já a havia ligado há dezoito anos?
17 E ele, dizendo estas coisas, todos seus adversários ficaram envergonhados; e todo o povo se alegrava de todas as coisas gloriosas que eram feitas por ele.
18 E dizia: A que o Reino de Deus é semelhante? E a que eu o compararei?
19 Semelhante é ao grão da mostarda, que um homem, tomando-o, lançou-o em sua horta; e cresceu, e fez-se uma grande árvore, e as aves dos céus fizeram ninhos em seus ramos.
20 E disse outra vez: A que compararei o Reino de Deus?
21 Semelhante é ao fermento, que a mulher, tomando-o, o escondeu em três medidas de farinha, até tudo ficar levedado.
22 E andava de cidade em cidade, e de aldeia em aldeia ensinando, e caminhando para Jerusalém.
23 E disse-lhe um: Senhor, são também poucos os que se salvam? E ele lhes disse:
24 Trabalhai para entrar pela porta estreita; porque eu vos digo, [que] muitos procuraram entrar, e não puderam.
25 Porque quando o chefe da casa se levantar, e fechar a porta, e se estiverdes de fora, e começardes a bater à porta, dizendo: Senhor, senhor, abre-nos! E respondendo ele, vos disser: Não vos conheço, [nem sei] de onde vós sois.
26 Então começareis a dizer: Em tua presença temos comido e bebido, e tens ensinado em nossas ruas.
27 E ele dirá: Digo-vos que não vos conheço, [nem sei] de onde vós sois; afastai-vos de mim, vós todos praticantes de injustiça.
28 Ali haverá choro e ranger de dentes, quando virdes a Abraão, a Isaque, a Jacó, e a todos os profetas no Reino de Deus; mas vós [sendo] lançados fora.
29 E virão [pessoas] do oriente, e do ocidente, e do norte, e do sul, e se sentarão [à mesa] no Reino de Deus.
30 E eis que há [alguns] dos últimos que serão primeiros, e há [alguns] dos primeiros que serão últimos.
31 Naquele mesmo dia, chegaram uns fariseus, dizendo-lhe: Sai, e vai-te daqui, porque Herodes quer te matar.
32 E disse-lhes: Ide, e dizei a aquela raposa: eis que expulso demônios, e faço curas hoje e amanhã, e ao terceiro dia eu terei completado.
33 Porém é necessário que hoje, e amanhã, e no [dia] seguinte eu caminhe; porque um profeta não pode morrer fora de Jerusalém.
34 Jerusalém, Jerusalém, que matas aos profetas, e apedrejas aos que te são enviados: quantas vezes eu quis juntar teus filhos, como a galinha junta seus pintos debaixo de suas azas, e não quisestes?
35 Eis que vossa casa é deixada deserta para vós. E em verdade vos digo, que não me vereis até que venha [o tempo] em que digais: Bendito aquele que vem no nome do Senhor.

Bíblia em um ano: Lucas 12-13

Escrito por Oswald Chambers.

Confira mais devocionais escritos por Oswald Chambers, no original clicando aqui.

Texto retirado e traduzido de Utmost.org

Ontem

Ontem

Seguros contra nosso passado. "Deus pede as contas de tudo quanto passou…”, Ecl.3:15. No fim do ano, olhamos com grande expectativa tudo quanto Deus tem para o nosso futuro, mas mesmo assim podemos ficar aprisionados nos dias de ontem. O presente gozo da graça de Deus...

“E Cada Uma Das Virtudes que Possuímos…”

“E Cada Uma Das Virtudes que Possuímos…”

O Senhor nunca remenda nossas virtudes naturais, isto é, as nossas características naturais, anseios ou mesmo qualidades. Ele refaz todo o homem por dentro completamente. "Vos revistais de novo homem", Ef.4:24; ou seja, faça com que sua vida natural se revista com...

Desertor ou Discípulo?

Desertor ou Discípulo?

Quando Deus, através do seu Espírito, aplicando a Palavra, nos dá e fornece uma certa re­velação ou manifestação do que ele quer, temos de poder andar à luz dessa visão ainda, 1João1:7; nossa mente e alma vibrarão em excesso com isso; mas, se não obedecermos a essa...

Share This

Notice: fwrite(): Write of 661 bytes failed with errno=28 No space left on device in /home/dh_radiocrista/radiocrista.com.br/wp-content/plugins/wordfence/vendor/wordfence/wf-waf/src/lib/storage/file.php on line 42

Fatal error: Uncaught wfWAFStorageFileException: Unable to verify temporary file contents for atomic writing. in /home/dh_radiocrista/radiocrista.com.br/wp-content/plugins/wordfence/vendor/wordfence/wf-waf/src/lib/storage/file.php:51 Stack trace: #0 /home/dh_radiocrista/radiocrista.com.br/wp-content/plugins/wordfence/vendor/wordfence/wf-waf/src/lib/storage/file.php(658): wfWAFStorageFile::atomicFilePutContents('/home/dh_radioc...', '<?php exit('Acc...') #1 [internal function]: wfWAFStorageFile->saveConfig('livewaf') #2 {main} thrown in /home/dh_radiocrista/radiocrista.com.br/wp-content/plugins/wordfence/vendor/wordfence/wf-waf/src/lib/storage/file.php on line 51